Buscar por:  

Assine o RSS

Voltar 02/12/2015 - Usinagem Brasil

Toyo Matic mantém investimentos, apesar da crise

 

 

Toyo Matic mantém investimentos, apesar da crise 

 


(04/10/2015) - Há pouco mais de três anos, impulsionada pela conquista de alguns contratos e as boas perspectivas no setor de óleo e gás, a Toyo Matic - um dos maiores prestadores de serviços de usinagem de precisão do País - decidiu investir numa nova unidade fabril específica para a produção de peças de grande porte, ao lado da fábrica que mantém em Bragança Paulista (SP).

De lá para cá, a empresa já investiu mais de R$ 80 milhões em máquinas, equipamentos e obras civis. Porém, nos últimos seis meses, as denúncias de corrupção na Petrobras e a queda do preço do petróleo, provocaram forte redução de demanda de pedidos da área de óleo e gás. Em agosto, o volume de pedidos vindos desse setor representava apenas 15% do obtido no mesmo mês de 2014.

Com várias máquinas em processo de instalação e outras ainda encaixotadas, muitos empresários estariam arrancando os cabelos. Edvaldo Rosa, diretor-geral da Toyo Matic, mantém a tranquilidade. Ele conta que a empresa acaba de fechar um contrato com a General Electric para a produção de peças de energia eólica. “Eles souberam que nós tínhamos o equipamento para produzir peças de grande porte e vieram nos procurar”, conta.

O diretor explica que a produção da Toyo Matic é hoje 65% destinada ao setor aeroespacial, tendo a Embraer como principal cliente. 15% são voltados ao setor de óleo e gás. “Recebemos algumas consultas de empresas do setor de óleo e gás com dificuldades em algumas peças técnicas e fechamos novos negócios. Apesar da retração desse mercado, estamos avançando em cima de deficiência do mercado em peças complexas e precisões apertadas”, conta.

A empresa também conta com clientes na área médica, inclusive está trabalhando no desenvolvimento de um coração artificial em titânio, em parceria com a Studheart Medical Technologies. Conta ainda com clientes na área automotiva, como a produção de peças para turbos, e no setor de máquinas e equipamentos, produzindo peças para máquinas.

De acordo com Edvaldo Rosa, a Toyo Matic está operando com 35% de sua capacidade. Apesar disso, acaba de fechar a compra de mais quatro máquinas, que acrescentam outros R$ 7 milhões ao já investido na nova unidade. O diretor explica que está planejando alçar novos vôos: pretende ampliar os negócios com o mercado externo e sua meta é acrescentar a Airbus e a Boeing ao seu portfólio de clientes.

Na avaliação do executivo, a meta é factível. A Toyo Matic já atende a Airbus Helicopters, para quem produz o punho do rotor do helicóptero EC725, fabricado pela Helibras. “Nosso objetivo agora é atender também a Airbus aviões que neste momento está sufocada em pedidos, com problemas de atendimento. Estamos buscando essa oportunidade para colocar o pé na Europa”, diz. Quanto à Boeing, ele lembra que a Toyo Matic foi aprovada como fornecedor pela empresa norte-americana, quando a empresa norte-americana estava participando do processo de concorrência para a produção do FX, da FAB, posteriormente vencido pela Gripen/Saab, da Suécia.

Toyo Matic - Perto de completar 30 anos de atividades - foi fundada em 1987 -, a Toyo Matic foi criada para atuar no mercado de reforma de máquinas, depois passou a produzir máquinas especiais e, diante da crescente demanda por peças de reposição para máquinas nacionais e importadas que estavam sendo reformadas, acabou se transformando em prestador de serviços de usinagem para terceiros. Com cerca de 70 funcionários, a empresa está instalada em terreno de 118 mil m², sendo 10 mil m² de área construída


 

 

by vm2

ABIMAQ - Associação Brasileira da Indústria de Maquinas e Equipamentos.
2017 Todos os direitos reservados.

Rodovia: Presidente Dutra, KM 138 - CEP: 12.247-044 - São José dos Campos-SP
Tel: (12) 3939-5733
E-mail: gtaero@abimaq.org.br