Buscar por:  

Assine o RSS

Voltar 07/06/2018 - Valor Econômico em Portos e Navios

CONTRATAÇÃO

Empreiteiras agora policiam licitações

O mundo das empreiteiras, aparentemente, é outro depois da Lava-Jato. Agora, são elas, as principais envolvidas nos esquemas de corrupção investigados na operação, que denunciam e interrompem licitações diante de regras que podem abrir espaço a práticas ilícitas.

O "outro lado" do balcão não mudou, reclamam. Os governos ainda lançam editais cheios de problemas, com falta de informações que dificultam as propostas de preço - e são um caminho para a corrupção. Antes, as empresas faziam a proposta no escuro, porque no final acertavam tudo "negociando aditivos".

Recente licitação do governo do Ceará para o metrô de Fortaleza foi alvo de mais de 700 questionamentos na audiência pública e de mandados de segurança movidos por Queiroz Galvão, Camargo Corrêa, Acciona e Odebrecht. O prazo para entrega de propostas era curto dada a complexidade técnica e a quantidade de itens para orçar. O mesmo se deu na concorrência para a Barragem de Catolé, em Barra do Choça (BA), e para o aeroporto de Aracaju (SE).

Fonte: Valor [em Portos e Navios, 07 jun. 2018]

by vm2

ABIMAQ - Associação Brasileira da Indústria de Maquinas e Equipamentos.
2018 Todos os direitos reservados.

Rua: São José, 20 - 18º andar - sala 1802 - Centro - CEP: 20010-020 - Rio de Janeiro-RJ
Tel: (21) 2262-5566
E-mail: srrj@abimaq.org.br